Como contornar o período de seca na agricultura e pecuária

Seguro agrícola
período de seca

Quando você atua no setor agropecuário, sabe que as variações climáticas e ambientais impactam diretamente na sua produtividade e, consequentemente, nos lucros do negócio. A seca, principalmente quando ocorre de maneira prolongada, é uma das principais preocupações de quem atua na área, uma vez que pode levar à perda de toda a lavoura caso não seja manejada da forma correta.

Porém, você sabe exatamente o que é o período de seca e como ele ocorre? Entende as consequências diretas dessa época para a sua produção agrícola e qual a melhor forma de contornar essa situação? Se não, está na hora de descobrir!

Leia este artigo e entenda mais sobre o período de seca na agricultura e pecuária e descubra boas práticas para contorná-lo!

Afinal, o que é o período de seca?

A seca é um longo período sem chuvas ou com chuvas mal distribuídas, que causam desequilíbrio hidrológico em toda a região. Isso porque, além de poucas chuvas, nessa época, o ar também fica bastante seco, e os rios, as reservas e, inclusive, os índices de água disponível no subsolo diminuem.

É importante que você entenda que a seca é diferente do que é chamado de estiagem. Enquanto a primeira consiste em um período de longa duração e com severos impactos em diversos setores da economia e da sociedade, a estiagem é um processo mais brando. Dessa forma, a estiagem consiste em pequenos períodos nos quais a quantidade esperada de chuvas não acontece, tanto devido a uma diminuição do volume quanto a um atraso na chegada das chuvas a determinadas regiões.

Dessa forma, apesar de também impactar a agricultura e a pecuária, a estiagem apresenta eventos menos severos. Por outro lado, a seca pode prejudicar intensamente todo o funcionamento de uma região, diminuindo a oferta de produtos e prejudicando toda a produção. Continue a leitura para entender mais sobre os efeitos da seca no setor agropecuário.

Quais são os efeitos do período de seca na agricultura e na pecuária?

A seca traz uma série de consequências negativas para a produção agrícola e a pecuária da região atingida por ela. Algumas delas estão dispostas a seguir.

Redução da produtividade

O primeiro impacto da seca na produção agrícola e pecuária é a redução da produtividade. Isso porque, como você já sabe, o abastecimento de água no talhão é um dos elementos-chave para o crescimento das plantas. A seca reduz essa disponibilidade, o que faz com que elas cresçam menos e apresentem menor qualidade. Pode ser, inclusive, que ocorra a perda de todo um período de produção devido à seca, dependendo da intensidade e da duração do período na região.

Para a pecuária, a situação não é muito diferente. Com a redução das chuvas, o pasto não se desenvolve como deveria, oferecendo um alimento mais escasso e menos nutritivo ao gado. Dessa forma, também há uma redução na produtividade de carnes nos períodos de seca, quando não são bem administrados.

Menor disponibilidade de água

Como era de se esperar, há uma redução na disponibilidade de água durante o período de seca. Isso pode acontecer em diversos níveis, dependendo da intensidade do fenômeno.

Portanto, pode ser que não haja água no solo e a umidade do ar fique muito abaixo do desejado devido à seca, mas sem impactos tão profundos nos reservatórios de abastecimento. Porém, quando a seca dura muito tempo, os reservatórios podem secar, assim como os rios e a água subterrânea. Com isso, a falta de água não afeta apenas as plantações e o gado, mas a população como um todo.

Diminuição da oferta de alimentos

Um impacto socioeconômico da seca é a redução na oferta de alimentos. Por prejudicar a produtividade da agricultura e a pecuária local, a seca pode fazer com que alguns produtos não sejam produzidos. Dessa forma, os preços ficam muito altos e a população deixa de ter acesso a esse tipo de mercadoria.

Como contornar o período de seca?

Como você pode perceber, os períodos de seca podem impactar não apenas a sua produção agrícola, mas a população como um todo. Dessa forma, para garantir a lucratividade do seu negócio, é essencial que você saiba como contornar esse período.

Descubra, agora, algumas dicas de ouro nesse aspecto!

Armazene água

Uma das formas de se preparar para o período de seca é investindo no armazenamento de água, principalmente quando você reside em uma região na qual a seca é cíclica — ocorre de tempos em tempos. Para isso, você pode utilizar cisternas, barragens subterrâneas e, até mesmo, poços artesianos. Para escolher o melhor método, é importante estar atento à bacia hidrográfica da sua região e aos índices de chuva nos diversos períodos do ano.

Invista na irrigação

A irrigação é uma ótima forma de contornar o período de seca, uma vez que permite que você controle a umidade do solo de acordo com as condições climáticas da região. Dessa forma, você é capaz de manejar o solo de maneira adequada, suprindo as necessidades hídricas de cada uma das suas culturas, sempre atento às condições meteorológicas.

Isso permite o aumento da produtividade agrícola do seu terreno, viabilizando os lucros em todas as épocas do ano.

Escolha culturas resistentes

Existem espécies que são naturalmente resistentes a períodos de seca, mantendo a sua produtividade mesmo em condições adversas. Dessa forma, uma boa maneira de contornar essa época é investindo no plantio dessas culturas para garantir a produtividade da sua lavoura.

Faça o plantio direto

Um solo coberto por resíduos vegetais é mais úmido, uma vez que eles dificultam a troca de água do solo com o ar. Dessa forma, o plantio direto pode ser outra estratégia eficiente na hora de contornar a seca, uma vez que permite a manutenção dos níveis de água no solo mesmo em períodos de pouca chuva.

O período de seca, apesar de inevitável, representa um grande desafio para a agricultura e a pecuária de uma região. Afinal, as plantas precisam de água para sobreviver e, dessa forma, a melhor maneira de contornar essa época é adotando estratégias eficientes para garantir esse suprimento para a sua lavoura. Com essas dicas, você está pronto para investir na alta produtividade da sua cultura em todas as épocas do ano!

Gostou do conteúdo? Então, aproveite para assinar a nossa newsletter e receba mais informações relevantes diretamente no seu e-mail!